Home Data de criação : 10/01/01 Última atualização : 12/11/18 17:02 / 118 Artigos publicados

CAP 6 - O TERMINO DE UMA PAIXÃO  escrito em domingo 18 novembro 2012 14:02

Blog de gata-misteriosa :GATA MISTERIOSA, CAP 6 - O TERMINO DE UMA PAIXÃO

Naquela semana eu fui viajar, precisava pensar, já estava muito desanimada e desacreditada no meu relacionamento. Tudo parecia tão lindo, tão perfeito, e de repente tudo estava acabando...Fiquei sem falar com ele nesse dias em que estive fora. Foi uns dias bons e sufocante, sufocante porque sentia muita saudades dele, e bom pois tive a certeza que era ele que eu queria pra minha vida, queria logo retorna para casa pra dizer isso a ele. Até que o dia chegou, contava cada minuto. Engraçado que depois de uma semana ele me ligou justo no dia em que eu estava indo embora, como ele sabia??? Nossa! Foi tão bom ouvi-lo, que saudades....Eu não queria dizer por telefone o quanto ele era importante para mim o quanto que eu queria ficar com ele, mas eu só disse que precisava muito falar com ele, ele ficou meio desconfiado e dava para perceber que ele tinha medo de qual era o assunto. Percebi que ele tinha receio de eu querer termina. Deixei que ele pensasse assim, queria que quando eu fosse falar o quanto eu queria tê-lo em minha vida, ele explodisse de tanta alegria, não demorou muito para desligarmos. Logo chegando na rodoviária encontrei com minha irmã que me aguardava, mas ela foi logo me perguntando se eu não tinha visto uma mensagem que ela tinha deixado pra mim no Orkut, eu disse que não, então ela foi logo dizendo que era sobre o meu amor, eu sabia que não era nada bom, e pedi para dizer logo, e ela foi dizendo sobre o curso que ela tinha feito no final de semana passado, onde o meu amor era um dos responsável, e que também se encontrava lá a ex dele, para mim foi um susto, oque ela fazia lá?? Ai ela continuou, disse que no final da apresentação o chefe deles agradeceu a participação de algumas pessoas, e ele aproveitou para agradeceu a presença dela lá, disse que ela sempre esteve com ele em sua caminhada e finalizou dando-a um BEIJO!.................. Fiquei em silêncio por alguns minutos, não dava para acreditar, aquilo não era real, minha irmã deve ter exagerado. Eu precisava constatar, e seria com o meu cunhado que também tinha ido. Logo chegando na casa da minha mãe, fui perguntar a ele, que confirmou tudo, disse que todos estavam dizendo: Beija! Beija! Beija! E ele à beijou. Meu cunhado ainda me disse: Saia fora enquanto à tempo, pois tem sentimentos entre eles. Não consegui conter as lágrimas de decepção, sair para um refúgio, para que ninguém me visse desmoronar, tinha vergonha de ter amado sozinha, então tudo era mentira??? Que raiva! Eu custei tanto para ter certeza do que sentia, para acreditar nele, como ele pode fazer isso! Mas não precisei pensar muito para saber oque tinha que ser feito, até porque não deixo o sentimento me envolver por completa aponto de me fazer de boba. Logo assim chegando a hora do nosso encontro, ele me liga dizendo que estava vindo, eu disse um ok seco, e fui ao encontro do amor da minha vida para pedir que me esqueça! Meu coração estava numa alegria só, pois só o fato de encontrar com ele, já era o bastante pois fazia muito tempo que não o- via, mas eu sabia que tinha que deixar a emoção de lado e agir com a razão. Quando fui aproximando dele, revivi nosso primeiro encontro, só em pensar que seria a ultima vez que o viria, meus olhos não conterão as lagrimas, mas eu tinha que ter certeza do que iria fazer, então levei minha mão aos meus olhos enxugando qualquer demonstração de fraqueza. Chegando até ele fui logo envolvida naqueles braços onde eu queria está o resto da minha vida. Para piorar a situação palavras de amor foram sussurradas aos meus ouvidos, eu o abracei com tanta vontade, aproveitando aquele últimos minutos, pois sabia que não teria essa oportunidade novamente. Mais logo me afastei pois precisava terminar com algo que nunca deveria ter existido, se é que existiu :/ Eu percebi que ele estava tenso, parece que sentia em mim que a nossa conversa não seria agradável, e com isso me abraçou muito forte. Nossa ele dificultava tudo! Como eu queria que aquilo fosse só um sonho ruim, e que logo eu acordaria. Mas não, era pura realidade. Eu me afastei perguntando como ele estava, e como foi o curso, ele disse que estava cansado, ainda brincou falando que tinha acabado com o pessoal do curso de tanto treinar, aproveitou para dizer que sentiu minha falta, eu fiquei em silêncio, como eu queria que fosse verdade. Ele percebeu a minha frieza e perguntou o que estava acontecendo, que raiva que me deu, ele falava com tanta tranquilidade, sem culpa nenhuma, será que ele não achava que minha irmã iria me contar nada! Eu olhei fixamente e perguntei se ele não tinha nada para me falar, ele foi tão cínico e disse que NÃO, e que não estava entendendo a minha pergunta, então eu que tinha que lembrá-lo já que se fazia de esquecido? Quando eu citei a presença dela lá(á ex) O semblante dele mudou, é realmente ele achava que minha irmã não iria me contar nada, a parti dali ele já presumia que estava sabendo de tudo, e foi logo me explicando, dizendo que ela fazia parte da Defesa Civil, que ela cozinhava em dia de curso, então um silencio se formou. Porque que ele não tinha me dito isso antes, e porque que ele se calou se tinha mais coisa pra me falar. Então eu perguntei se não tinha mais nada pra que falar, ai ele respondeu que tinha visto que minha irmã tinha me contato tudo, então eu a defendi, disse que o dever dela era me contar, pois a irmã dela era eu...Ai ele me contou tudo, lógico que um pouco diferente, disse que ele agradeceu as pessoas que não foram agradecida pelo chefe, inclusive ela, e com isso as pessoas não sabia do termino deles, pediram para eles se beijarem, e ele deu um selinho nela, mas para mim já era o bastante para o fim do nosso relacionamento, já que ele não queria nada com ela, pra que iludi-la? Pra que fazer as pessoas a acredita que os dois ainda estavam juntos? É sinal que algo ainda existia ali, me dei uns segundos em silencio e fui logo falando que ninguém é obrigada a nada, ele a beijou porque quis. Eu disse que fiquei feliz em conhecê-lo, que ele despertou em mim um sentimento novo que eu desconhecia, e que não me arrependo de ter o conhecido, pois no tempo que ficamos juntos ele me fez muito feliz, e que na minha viagem percebi o quanto o meu sentimento por ele era grande, disse que apesar de ser a historia mais linda que vivi, tinha que terminar ali, e percebi que nós não eramos o casal que eu imagina, não eramos um para o outro, que cada teria que seguir seu caminho; Ele ficou em panico, não acreditando no que estava acontecendo, continuei..falei que tínhamos vidas diferente e que eu não queria viver algo incerto. Que só aparecemos um na vida um do outro, para provar que nunca é tarde para ser feliz, e que os oposto realmente se atraem, e que apesar dele ter uma postura sentimentalmente independente, ele poderia ser amando, e que alguém se preocupa com ele, que quando um sentimento aparece ele desmorona e torna-se o frágil homem. Ele me abraçou pedindo para eu parar com aquilo, para não fazer isso com ele, pois ele me amava Me segurou firme perguntando se eu duvidava do amor que ele sentia por mim, pedir para ele não dificultar as coisas. Percebi que ele estava muito emocionado, se duvidar com os olhos cheio d´água, e com isso acabei chorando também, ele me beijou com muita intensidade, e eu correspondi da mesma forma, pois sabia que seria a ultima vez, me abraçou de uma maneira que achei que não me deixaria mais ir embora, pedia, pedia, para eu não deixá-lo, disse que eu tinha prometido que não o deixaria, eu disse que realmente tinha prometido, mais se ele estivesse comigo. Olhei pra ele e disse que ele sempre será inesquecível para mim(a letra da nossa musica) Dei o ultimo beijo e fui embora, ao olhar para traz percebi que ele estava no mesmo lugar com a mão sobre o rosto, e depois foi andando vagarosamente em direção ao seu destino.  

permalink

CAP 5 - O COMEÇO DE UMA PAIXÃO  escrito em sábado 17 novembro 2012 19:14

Blog de gata-misteriosa :GATA MISTERIOSA, CAP 5 - O COMEÇO DE UMA PAIXÃO

Logo que desliguei fui correndo ao espelho para dar o ultimo retoque, e pensando como agiria quando eu o visse, pois nunca tinha me deparado com uma situação parecida, como um sentimento tão bobo e tão lindo poderia me deixar daquela forma (Risos). Então fui ao encontrar de alguém que despertava em mim um sentimento que me controlava completamente. Os meus passos eram vagarosos, estava ansiosa e com medo ao mesmo tempo, vários pensamentos vinha em minha mente, quando me dei conta, avistei uma imagem de a homem que vinha em minha direção, nossa eu estremeci, uma mistura d sentimento se fez dentro de mim, medo, vergonha, paixão ansiedade. Eu sabia que era ele, e para me fortalecer eu coloquei nossa musica q estava no meu celular, parece bobo(risos), mas me senti mais firme. De repente me deu vontade de para de andar quando vi o porte daquele homem, alto, forte e vinha com passos rápidos, pra falar a verdade eu queria fugir dali, achava aquilo uma doideira. O intenso foi que quanto estávamos quase se aproximando, paramos, e nos observamos, porém ele continuou vindo, mais dessa vez vagarosamente, e eu nem conseguir sair do lugar, meus pés ficaram presos ao chão, meu coração estava disparado. E Tudo congelou quando ele chegou perto de mim, mais tão perto a ponto de escutarmos a respiração um do outro, se duvidar ate mesmo a batida dos nossos corações. Ficamos face a face, sem dizer uma única palavra, enquanto isso nossa musica fazia com que o momento ficasse mais românticos. Não dava para ambos ver direito um o rosto do outro, pois as arvores tampava a única luz do lugar. Até que a mão dele tocou o meu rosto delicadamente, depois em meu cabelo, parecia que ele queria descobrir cada detalhe meu. Mesmo que não dava para vê-lo, eu conseguia sentir com veracidade que o nossos sentimentos eram o mesmo, principalmente quando ele me abraçou tentando me sentir aos poucos, nossa! Como era bom senti-lo também. E os nossos lábios se tocaram ardentemente, foi tão intenso, que parecia que eu iria ficar sem folego, mas não queria parar, e tentávamos procurar o ar que tínhamos um no outro, os braços a cada minuto mais fortes me tocavam. Percebi o quanto desejávamos um ao outro, o quanto estávamos apaixonados, não sei como me expressar, só estando ali para saber, só sei que foi como uma erupção de uma vulcão, com muita paixão, saudades, desejo, amor, sei lá. Foi um beijo diferente, parecida que só existia eu e ele, e que o mundo tivesse parado. Quanto não tínhamos mais ar, paramos, e nos olhamos fixamente, tentando recuperar o folego, e nos apresentamos e começamos a rir, a voz dele era mais linda pessoalmente, ele era um sonho. A mão dele passeava sobre o meus rosto e os elogios logo vieram, fiquei sem graça, mas gostava de ouvir. Próximo da gente tinha uma arvore enorme, onde ele se escorou me puxando para dele. Estava tudo tão lindo, que parecia ser mentira, ali trocamos carinhos, e nos conhecemos mais. Ele gostava do meu jeito, falava que eu era meiga, falava da diferença do nosso físico, ou seja ele enorme eu eu toda pequena. Algumas coisas eu dizia em espanhol, i ele se amava, achava diferente de tudo que ele já tinha escultado. A primeira coisa que disse á ele foi que estava enamorada por ele, e ele queria saber o significa de enamora, e eu disse que era APAIXONADA. Era algo que ele queria ouvir desde de quando nos falamos, fiquei feliz por dizer. Nós aproveitamos a cada minutos, mas o tempo era curto, e ele precisava ir. Nos despedimos com muita felicidade e satisfeito pelo encontro, que foi melhor que esperávamos, e com a certeza que realmente estávamos apaixonadíssimos. Mas quando eu me virava para ir embora, ele me puxava para seus braços, eu sentia que a parti daquele momento a vida dele seria sem graça sem mim, mas tínhamos que nos despedir e fomos cada uma para o seu lado, em passos pequenos e olhando pra traz, tentando avista um o outro seguimos. Sabíamos que retornaríamos para casa diferente, mais felizes e esperançosos, na certeza que nada estragaria nossa noite. Foi mágico, um encontro perfeito para duas pessoas apaixonadas, acredito que mesmo que não seja para sempre, vai ficar guardado em mim para sempre, acredito que nele também irá. Enfim, fui para casa mais feliz , e com a certeza do meu sentimento, e sabendo que ele sentia o mesmo por mim. Estava radiante. Quando voltei para minha cidade, indo para o trabalho na segunda- feira, ele me liga dizendo que não acreditava que eu existia, o quanto ficou feliz com o nosso encontro, o quanto estava gostando de mim, e era tudo o que eu estava sentindo, depois de trocamos varias palavras lindas desligamos . Eu estava muito feliz, minha semana foi maravilhosa, marcamos de nos ver no próximo final de semana, eu estava contando os dias... mas não foi como programamos, pois não deu para nos ver, ele teve um compromisso, retornei para casa não muito contente, mas fazer oque né :/ Ele me ligou depois para me dizer o motivo de não termos nos visto e ficamos bem, pois quando ele falava comigo era tão bom que se eu fechasse os olhos eu conseguia senti-lo perto de mim, realmente eu estava apaixonada. E ficamos conversando todos os dias, estávamos com muita saudades, até que ele disse que viria me ver, fiquei super feliz. Ele veio, foi tão bom! Parecia que era o primeiro encontro, ficamos juntinhos, rimos, nos conhecemos mais, queria ficar ali por um bom tempo, mas seria perfeito demais, e nos despedimos. Era tão bom aquele momento em que eu estava vivendo, eu estava tão feliz. Mas o ruim é que não tínhamos como nos ver sempre que nos dessemos vontade, e quando tínhamos um único dia não dava! Foi o que aconteceu no próximo final de semana, ele não apareceu! Lógico que depois ele ligou se explicando, mas eu fiquei chateada mesmo assim, pois já eram duas vezes que marcamos e ele não aparece, então ele disse que viria no meio da semana pra me ver. Eu não queria, sabe estava chateada com isso tudo,ai dei uma desculpa, mas como ele disse que já estava a caminho eu não podia dizer mais nada, quando fui vê-lo ele logo percebeu a diferença no meu jeito, não consegui desfaça, sei lá, não tava legal com a nossa situação, pois nunca dava para nos ver, e já se fazia 3 semana. Enfim, conversamos e ficamos bem, quando parecia bem, um carro de POLICIA para atras do carro que estávamos. Parou um policial em cada lado do carro,dizendo que tinham recebido uma denuncia de um carro estranho, fizeram algumas perguntas e pediram pra ver a carteira dele, ele mostrou e disse que trabalhava na defesa mostrou também a carteira da Defesa Civil, no final das contas vendo que não tinha nenhum desregulamento e vendo que eu é quem morava na cidade, me perguntou se eu tinha algum ex que poderia ter feito a denuncia, só faltava isso! Eu respondi seriamente que não, os policiais se retirando ele foi logo me perguntando se realmente não tinha ninguém que pudesse ter feito a denuncia, por mais que ele também não tivesse gostado da situação, ele não tinha o direito de desconfia de mim, eu disse: lógico que não! A situação ficou tensa e eu resolvi ir embora, e fui, depois que nos despedimos. Conversamos por telefone durante a semana e eu sentia que não estava muito bom o nosso relacionamento, no final de semana que iriamos nos ver ele não apareceu :/

permalink

CAP 4 - O COMEÇO DE UMA PAIXÃO  escrito em quinta 15 dezembro 2011 11:29

Surpreendentemente eu fiquei com aquele telefonema, quando eu percebi que era realmente ele, perdi a fala; nesse meio tempo pensei em desligar, pois o silencio tomou conta das nossas vozes, desde o momento em que ele disse o meu nome, eu não sei como, mais senti que era ele. Por fim ele perguntou se estava me atrapalhando, antes que eu me calasse novamente eu respondi que não em tom duvidoso; então perguntei como ele estava, para descontrair, ele disse que estava bem, mais ficou mais perfeito podendo ouvir minha voz, algo que nem se lembrava direito de como era; pois fazia muito tempo desde que conversamos; estão agradeci por ser tão gentil, pois para mim era uma satisfação escutá-lo. Eu não conseguir disfarça o nervosismo, pois nunca imaginaria que um dia ouviria a voz dele; e com isso, fui indagada mais uma vez, se estava sendo incomodada, pois essa não era intenção dele, então eu disse para ele ficar tranqüilo, pois não ficaria conversando com ele se não me sentisse bem, disse também que sem ter a certeza que aconteceria, eu esperava ele fora da tela do computador, deu para escutar um sorriso de alivio. Então ele aproveitou para dizer que o futuro traz o presente, que estava amando aquilo tudo, que queria fazer diferença em minha vida; mais eu me prendia muito nas minhas palavras, pois alem de ser algo recente, eu tinha medo de me precipitar, por mais linda que seja o que estava acontecendo comigo; o bom é que ele dizia que me entendia.                                                                                                                   

Ele ficava com medo de me ligar i eu não esta querendo falar com ele, então sempre me falava para ser sincera, pois não tinha intenção de me atrapalhar. O engraçado é que sempre quando eu tentava me impor nas palavras, quando eu ia perceber já tinha dito o que estava sentindo. Ele achava que o jeito dele me assustava por causas de suas declarações descaradas. Muitas vezes eu não sabia o que falar, aquilo era novo e recente, mais ao contrario de mim, ele falava com tanta certeza do que sentia, com tanta emoção, parecia como se esperasse a mesma coisa da minha parte, as mesmas declarações. Dizia sempre que iria me provar dos seus sentimentos, usando sempre a frase que “não era mais homem que ninguém, mais quando ele diz algo é aquilo e pronto” Mais o que me deixava impressionada era que ele só tinha me visto uma única vez e falava de seus sentimentos com tanta veracidade.                                                     

Eu deixei bem claro pra ele, que todas as pessoas acham que eu sou durona, mais na verdade sou muito sensível e tinha medo de sofrer. Isso o deixou em silencio por alguns minutos, acho que ele sentiu responsável pela minha alegria ou então pensando em deixar como eu estava! Não sei! Então ele tentou me aliviar dizendo que quando me viu pela primeira vez, parecia ser amor a primeira vista, que quando foi me explicar sobre o seu trabalho ele me namorava com os olhos quando o meu rosto não estava em direção para o dele.                                                                                   

Descobrir que ele andava conversando com minha irmã sobre mim, e deixou bem vidente para ela que estava sentindo algo forte e lindo por mim, e o quanto queria viver comigo essa coisa mágica; assim me disse ela. Chegou a falar para a mamãe dele também, disse que estava completamente apaixonada por uma garota de 20 anos, e pelo visto a mãe dele achou um maximo, ficava feliz por ele esta me sorrindo novamente de uma forma diferente, assim disse ele!  Poxa ele era um sonho! Estava encantada! Conversamos por quase 1 hora e meia, por fim desligamos! Meu dia foi perfeito depois daquela ligação. No outro dia ele me ligou novamente e se conhecemos mais, ele falou mais dele e eu falei mais de mim, a cada palavras dele meu coração acelerava mais e mais, e com isso algo dentro de mim crescia aceleradamente, era bom, mais me dava medo!                                                                                                            Passando três dias daquela semana, ele me fez uma pergunta; se eu queria vê-lo, pois ele não agüentava mais de tanta saudade e vontade de me sentir, queria saber ser aquilo era real. Eu fiquei meio com medo, sei lá!Ele tinha terminado um relacionamento muito recente, estava com receio de vê-lo e me encantar ao contraio dele, do encanto acabar de ambas as parte, pois estava tudo muito lindo, muito conto de fada e nada é tão perfeito assim!Mais eu precisava saber se aquilo era verdade, pois na altura do campeonato eu estava completamente apaixonada, só não queria assumir pra ele e nem para mim mesma! Então aceitei e disse que precisava muito vê-lo! E marcamos de nos ver na sexta feira do final de semana que se aproximava. Mais ansiosa eu fiquei i ele junto também contando os dias e minutos, mais parecia que o tempo não ajudava prolongando os minutos... Enquanto isso conversávamos todos os dias,tentando descobrir como seria o nosso encontro.Não escondíamos a alegria de estamos vivendo uma coisa linda que acreditávamos que era diferente e forte.Por duas vezes ele não agüentava esperar querendo ir no meu trabalho me ver, mais eu consegui controlá-lo dizendo para aguarda o nosso encontro, até porque no meu trabalho não daria para ficarmos a vontade e dizer tudo que apareceria em nossas mente.Nessa mesma semana ele me dedicou uma musica, que dizia ele, ter tudo a ver com agente,a cantora é LAURA PAUSINE- INESQUECIVEL, quando escutei essa musicas, me encantei pois a letra dizia para eu nunca deixá-lo, pois eu achei tão lindo ele dizer através dessa musica para não desistir dele, mostrando para mim o quando eu era importante para ele, o quando eu fazia bem a ele, eu amei! Então essa ficou sendo nossa musica, ele tinha até postado em seus vídeos do Orkut. Eu estava verdadeiramente apaixonada! Contando os dias para vê-lo, não sabia o que iria acontecer, mais sabia que seria muito bom o nosso encontro!Por fim o dia do nosso encontro chegou, ele me ligou para confirma, e quando eu saí do meu trabalho eu fui para casa da minha mãe, onde marcamos de nos encontrar! Comprei uma roupa delicada e agradável de ser vista, me arrumei de uma forma simples, mais bonita, não me produzi muito, queria que gostasse de mim como eu fosse naturalmente!Estava muito ansiosa, esperei muito por esse momento.                                                                                                      Já na casa da minha mãe aguardando ele me ligar para irmos ao lugar marcado, passaram alguns minutos i ele liga, mais para o meu azar, ele disse que estava trabalhando desde cedo, e que não tinha nem almoçado, pois na cidade havia pegado fogo e ele e outros componentes estavam tentando apagar o fogaréu, disse que estava todo sujo e com a roupa rasgada, pois tinham que entrar no mato, onde o fogo estava afinal esse era trabalho dele; eu disse que entendia e que não presumíamos que isso iria acontecer, e que agente marcaria outro dia, mais na verdade estava decepcionada com o destino, ainda mais por que ele também contava em me ver, que tinha programado tudo, ele estava decepcionado! Mais ai ele teve uma idéia, perguntou se eu não poderia ir lá na Defesa Civil, pois ele não podia andar na rua todo sujo; Mas eu não podia ir, pois ele não estava sozinho lá, tinha guardas no pátio do lado de fora, o que iriam pensar a fofoca iria espalhar naquele horário dentro da defesa com um homem que tinha acabado de terminar um relacionamento! Eu não podia ir; quando eu ia desligar para ele não mais insistir, ele teve outra idéia, disse que 5 minutos ele estaria no nosso encontro marcado, que iriam pegar a viatura dos guardas; eu falei para marcamos outro dia, que ele estava cansado, i ele insistiu, então desligamos meu coração acelerou realmente ele estava querendo me ver.



permalink

CAP 3 - O COMEÇO DE UMA PAIXÃO !  escrito em sábado 22 outubro 2011 23:40

Blog de gata-misteriosa :GATA MISTERIOSA, CAP 3 - O COMEÇO DE UMA PAIXÃO !

Quando minha irmã chegou fui perguntar a ela oque ela sabia sobre aquele homem que tanto havia me impressionado, então ela resumiu, disse que ele era um homem sério, meio ogro, que tinha terminado um casamento e que tinha 35 anos, eu achei um absurto eu estava interessada por alguém que dias atraz eu nunca pensaria em que envolveria. Depois de 2 dias ter retornado para  minha casa, fui checar os meus imail que é algo que costumo fazer sempre, e com isso eu aproveito para ver o meu orkut e responder algumas mensagens de amigos. Logo na primeira pagina do orkut eu me deparo com um pedido de amigo, quando fui vê era ele, o homem da festa, respirei fundo pensei por alguns momentos, e então resolvi aceita-lo, ao entrar no orkut dele com aquela ânsíedade de saber mais sobre ele, ví que minha irmã tinha ele como amigo, então foi assim que ele me encontrou pensei! Fui vendo que poderia descreve-lo, fuxiquei tudo, mais depois sai do orkut e voltei a checar os meus imail. No intervalo de  dois dias, eu abri a pagina do orkut e para minha surpresa lá tinha um recado dele que dizia. Olá, valeu por ter me aceitado. Suas fotos são show de bola, afinal de conta vc é linda e não precisou fazer nenhum esforço pra que as fotos ficassem boas. Parabéns pelo charme que que possui, claro com todo o respeito. Bjsssss... Qualquer coisa que precisar estarei sempre disposição. Fui !!!!! . Ai eu respondi dizendo que ele não precisava agradecer, que ele tinha sido muito atencioso comigo, quando meu explicou sobre seu trabalho, e disse para ele ser bem vindo ao meus ciclo de amigos. Fiquei toda intusiasmada pela mensagem e dei um sorriso, fiquei contente sei lá! Deveria ser maluquice minha, pois ele não fazia meu tipo, até aquele momento! Voltei para minha vida, mais ansiosa para ver se ele iria responder. No outro dia fui para o meu trabalho, na espectativa para entrar no meu orkut e ver se tinha resposta, mais era muito cedo resolvi aguarda mais, por umas voltas de 9:00 abrir meu orkut e lá esta ele dizendo:Bom dia, passei só pra te falar que vc é muito especial, apesar de te conhecer à poucos dias. Parabéns pela pessoa que vc é e continue sempre Do seu Agora amigo.... Respondi! Nem me lembro oque foi, até porque ele apagava todas as mensagens que recebia, então não tem como eu pô-as aqui, mais as dele eu guardei. Eu achava ele interessante, mais não dava muita converça eu agradecia e desejava que o dia fosse ótimo!. Mais quando eu fui ver novamente eu estava lá para saber se ele tinha me respondido. Ele usava palavras tão lindas, que me cativava! Eu respondia sempre agradecendo a ele pelo carinho apesar de não nos conhecermos bem. Nesse decorrer do tempo nós passamos a trocar mensagens lindas, i eu estava facinada por ele, até que ele sumiu dia 9 de junho depois de ter me mandado essa ultima mensagem; Bom dia linda, respeito sua opinião, mas só gostaria de falar que jamais traria problemas pra vc, porém me facinei por ti mas tudo bem, respeito vc.Estarei sempre aqui pra qualquer coisa que precisar, só fica difícil não pensar em vc.Bjssssssss  Eu estava encantada por ele, se ele ficasse por mais uns dias me dizendo isso eu iria me apaixonar perdidamente; mais ele sumiu, simplesmente sumiu! não me mandou mais mensagens, e como eu não me obrigo a estar na vida de ninguém eu resolvi esquecer tudo. Minha vida era agitada de mais, tinha muita coisa para resolver eu sabia que não era para mim fixar no que estava acontecendo, pois nada é para sempre!. Quando eu achava que ele nunca mais ele apareceria lá estava ele, pedindo para eu adicina-lo novamente, fiquei mais chateada pois eu achava que ele me tinha no orkut dele, que só não queria mais me mandar mensagens, mais não, ele tinha me excluido! não aceitei o convite ele saiu porque quis não iria aceitar novamente com aquelas palavras que me impressionava me deixando sem ação, oque ele pensava que eu fosse!.                                                              Até que minha irmã me ligou dizendo que ele tinha falado para ela que todos os amigos deles foram excuido até mesmo minha irmã, i ele estava preocupado por que eu não tinha aceitado-o!, depois da converça com minha irmã, resolvi aceita-lo, ai eu mandei uma mensagens perguntando porque ele tinha me excuido, como se minha irmã não tinha me dito nada, ele me respondeu dizendo: Bom dia minha linda, desculpe por fazer vc pensar que te deletei do meu quadro de amigos do orkut. O meu sistema caiu e quando voltou vários amigos tinham sumidos, por este motivo mandei para todos o mesmo recado explicando o ocorrido. Não teria motivo nenhum para fazer isto, pelo contrário, senti algo por vc forte, bonito e diferente como já tinha dito para ti.Vc é uma mulher linda e deslumbrante.Estarei sempre aqui por vc e para vc.Bjs de quem te admira muito e que apesar de nos encontrarmos uma única vez, já faz sentir sua falta, pois seu cheiro ficou quando cheguei perto de ti.Gostaria que fosses minha, mais ....... nunca se esqueça que terás para sempre um amigo.Bjssssss.Eu respondi não me lembro oque foi, mais também não podia exigir muito dele pois ele não era nada meu, i eu sempre vinha descartanto as suas tentativa de me conquistar, e dei as boas vindas novamente! i ele me respondeu de novo dizendo:Boa tarde Jady, te adimiro a cada dia, Suas atitudes e seu jeito de falar me faz pensar ainada mais como seria gostoso estar ao seu lado, pois vc é uma mulher forte e linda. Não quero brincar com seus sentimentos pois não gostaria que brincasse com os meus, é que realmente me interessei por vc e sinto a todo momento oseu cheiro, mais sei que pra vc não passo de um amigo, mais me desculpe pois tenho que jogar pra fora o que estou sentindo e espero que isto não lhe faça ficar chateada comigo. Acho vc uma mulher deslumbrante e já até comentei isso com a sua irmã, pois ela sacou que não conseguia tirar os olhos de vc. Não sou um homem de sorte, pois se fosse teria vc pra mim e com certeza me faria sentir mais do que já sinto por vc. Não quero que pense que estou querendo uma aventura, é que minha vida é um pouquinho complicada e vc seria meu solo. Me desculpe se te fiz pensar que tinha te excluido, é que realmente o meu sistema caiu e aconteceu isso não só com vc mais com alguns amigos também. Me despesso deixando um abraço e um beijo pra ti. Só te pesso que não se aborreça com as minhas palavras, pois ante de me APAIXONAR por vc como mulher, aprendi a gostar de ti como amiga. BJSSSSSSSSSSSSS  Quando eu lí essa mensagens eu fiquei sem oque escrever, será que eu tinha conquistado aquele homem de verdade? Agradeci a ele e disse que não sabia oque dizer, disse também que ele me cativa, resolvi dizer a metade doque eu estava sentindo sem saber direito rs!. Enfim os dias foram passando e trocamos algumas mensagens lindas que depois eu vou postar aqui, eu estava completamente apaixonada hoje eu sei que estava, mais não hora eu não sabia pois nunca tinha tido contato contato com a paixão, só sei que eu queria um dia encontra-lo, pensava nele diariamente, mais não me desliga da realidade das coisas, tinha minha vida, meus sonhos e meus problemas para resolver e com ele eu só tinha palavras!!.                                                                 Meu Deus o que seria disso tudo e paixão que eu estava sentindo? como a controlaria? Não era tão bom assim, doia me sufocava i ele cada dia mais me cativa quando dizia o que despertava nele! pensava se um dia eu teria aquele homem.Em uma quinta feira minha irmã me liga dizendo que ele tinha pedido o meu numero e como ela sabia mais ou menos da historia ela acabou dando o meu numero, quando desliguei o celular eu fiquei meio nervosa pois a qualquer hora ele poderia me ligar, i eu poderia ter um contato a mais com ele, eu escultaria sua voz, uma voz que eu tinha vagamente em minha memoria. Mais o final de semana passou i ele não me ligou i eu esqueci que ele tinha meu numero, mais também não tinha tanta certeza que ele me ligaria, até que na segunda feira eu estava tomando meu café i o telefone toca era um numero de teleone fixo, eu atendi dizendo ALO! i quando percebi era ele!.

permalink

CAP 2 - O COMEÇO DE UMA PAIXÃO !  escrito em domingo 02 outubro 2011 02:11

Blog de gata-misteriosa :GATA MISTERIOSA, CAP 2 - O COMEÇO DE UMA PAIXÃO !

 Minha mãe veio até a mim na varanda onde eu lía o livro, vendo que se apoxímava fechei o livro para dar atenção a ela, conversamos um pouco por alguns minutos, logo depois fui ajuda-la a preparar um lanche para a noite que já se aproximava, pois lá ninguém janta faz um lanche e esta ótimo. Continuamos a conversar, nesse estante as meninas entram na cozinha na maior empogação perguntando se eu sabia com que roupa eu iría na festa a noite, eu dei um sorriso e disse que não sabia, me puchando pelo braço me levaram até o quarto para escolhermos algo, fiqui em dúvida qual era a roupa apropriado para mim ir, até que minha irmã pegou um vestido dela rosa choque e pediu que eu experimentasse, lá fui eu experimentar, ele até que ficou legal em mim, era bem colante meio franzidinho, 4 dedos a cima do joelho, adorei! escolhi uma sandália preta não muito alta, ate porque iria ficar muito vulgar se fosse alta, pois o vestido não era muito comprido, junto com um bolero preto pois presumia que estaria frio.Quando chegou a noite nos produzimos todas, fiz uma maquiagem ótimo, quando se fala de maquiagem eu sou fera! abuso muito dos meus olhos, decoro os meu olhos com delineador e rímel que para mim são os mais importante na minha maquigem se os meus olhos estão infeitado eu estou pronta! costumo dizer que os olhos é a melhor arma de uma mulher, são fundamental em qualquer situação, uma arma imbátivel! enfim lá fomos nós para o ultimo dia de festa, passeamos um pouco em torno da festa. Eu ficava observando cada detalhes, as pessoas, a organização da festa, a euforia das pessoas, a bebida que rolava frequentemente, todos agitados para ver o cantor que iria cantar aquela noite de domingo 8 de MAIO que seria o cantor  Jota Quest (obs: eu me esqueci de dizer no artigo anterior que o show começou no dia 5 de maio- quinta feira) como vc pode imaginar tinha pessoas igual formiga.

  Eu tenho uma irmã que se chama Jéssica ela tem 18 anos, ela é voluntária da Defesa Civil, para quem não sabe Os Volutários da Defesa Civil ajuda as pessoas quando tem inchente, ou quando tem uma festa eles ficam de prantidão caso alguém passe mal e etc.., enfim nesse dia ela ficou como voluntária junto as outras pessoas da Defesa Civil, entao ela me chamou para me apresentar o seus amigo de trabalho, i lá eu fui, quando chegamos ela foi me apresentando um por um, fui complimentando todos que lá se encontrava, tinha mais homens do que mulheres, eles lógico ficaram me olhando até porque eles conhecia todas as minhas irmãs menos eu, parece que tinha fila para falar comigo, mais já viu né, homem não pode ver um rabo de saia! mais eu fui muito educada, não ria muito para eles não pensar que eu era só mais uma daquelas garotas que não pode ver um homem que fica toda alegre, eu já estava com um vestido colante e meio curto se eu ficasse arreganhando a cara, eles iriam pensar que eu era uma delas! i eu gosto de ser vista com a UNICA! obs: "não desmerecendo ninguém por favor meninas, mais cada um sobrevive do seu jeito!" .Mais de repente no meio daquela porção de gente eu vejo que alguém se aproxímava e todos vão dando espaço para a pessoa passar, então chega até a mim um homem que parecia ter uns 33 anos, moreno, alto, forte, e com o olhar sério, chegou me dar um caláfrio, logo em seguida minha irmã me apresentou dizendo que ele era o chefe dela, ele estendeu a mão em minha direção fixando os seus olhos que o encarava com mesma intesidade; demorando alguns segundo eu estendi a minha mão me apresentando dizendo o seu nome; apertava minha mão com tanta firmesa, não machucando, mais com atitude, eu não sei explicar, eu tirei a minha mão em seguída, estava nervosa sei la! eu fui muito séria com ele mais do que fui com os outros, ele parecia querer me colocar medo, e como eu não gosto de ser desafíada eu argí da mesma maneira, então ele me chamou para falar um pouco do trabalho deles, nós nos afastando da muvuca; ele me mostrava algumas fotos em que eles trabalharam, inclusivel minha irmã, i eu olhava fixamente para as fotos, não me atrevía olhar para ele, ele tinha uma voz segura, forte! me impressionava! eu disse que o trabalho deles era muito interessante, não que realmente me interessasse, mais eu tinha que encenar, cheguei até dar os parabéns, disse também que ficava feliz por minha irmã fazer parte de grupo tão esforçado e determinado, isso é verdade ficava feliz mesmo! eu acho que ele ficava impressionada com minhas resposta, pois eu respondia na altura, não queria que ele pensasse que era uma menina bonita mais sem cérebro rs, depois de meia hora me mostrando o seu trabalho eu me despedi dizendo que precisava ir, novamente toquei a mão dele quando nos despedimos, eu acho que ele pensou que iria querer ficar conversando com ele alí até ele dizer que não poderia mais me dar atenção, pior que eu queria ficar lá mesmo rs, pois adoro desáfios i ele me passava isso, mais não iria dar esse gostinho para ele, ele fixou os olhos em mim de uma maneira, não do tipo querendo "ficar comigo", mais do tipo "de onde você saiu!"  mais ai eu sair eu fui ao encontro da minha irmã que estava proximo dalí eu sentia que ele continuava me oservando mais eu não virei para ver-lo, com isso minha irmã terminou de mostras os restante que faltava, alguns até me chamaram para tirar foto com eles, quando terminou as apresentações, eu disse a Jéssica que retornaria para a festa onde estava minhas outras 2 irmãs á Luarya e Carla, me despedi dela e sair, mais a imagem daquele homem não saia da minha cabeça, mais deixei pra lá eu fui curti a festa com minhas irmãs, eu não fiquei com ninguém ta pessoal! eu queria aproveitar muito aquele dia, já que não trabalharia na segunda, pois tinha tirada minha folga exatamente por causa da festa de domingo, chegamos em casa 1:30, pois no domingo a festa temina mais sedo porque as pess0oas trabalham na segunda, tomei um banho e fui dormi. Acordei era 12:00, minhas irmãs tinham ído para a escola, só estava minha mãe e minha irmã mais velha que é a Carla pois ela só estuda a noite, ela faz faculdade! tomei o café da manha e fui fazer o almoço com minha irmã e entre linhas perguntei se ela conhecia o tal homem que tinha me impressionado ela disse que não o conhecia direito só disse para mim oque eu já sabia, eu teria que esperar minha irmã chegar da escola para me dar a fixa dele, sem que ela percebesse meu interesse! até porque nunca fui de demostra meus sentimento...............

                                                                                     continua.....................

permalink
|

Abrir a barra
Fechar a barra

Precisa estar conectado para enviar uma mensagem para gata-misteriosa

Precisa estar conectado para adicionar gata-misteriosa para os seus amigos

 
Criar um blog